Um Abismo

segunda-feira, março 24, 2008

HORA DO SONHO

- ah, ficaram lisos os meus cabelos acariciados pelas tuas
mãos pequenas e tu não sabes, mas enquanto os apertavas e te detinhas no meu crânio, fui colher flores,num sonho, num instante
- dei conta do teu deleite e saberás que nesse momento era no meu corpo
que se erguia a árvore do mundo? e saberás também, que era a mim que colhias?
- cairei no teu chão, tão calmo és, pelo prazer de me sentir levantar
e se não me deres a mão para depois me sentares no teu colo, desce
então aos meus pés e ata-me neste silêncio de tinta
22-11-2006

6 Comments:

Enviar um comentário

<< Home